GLOSSÁRIO BÁSICO DE INVESTIMENTOS

Alavancagem: É basicamente a utilização de recursos de terceiros para aumentar as possibilidades de lucro. O investidor conta com um limite de crédito em sua corretora que permite movimentar valores superiores ao que ele possui em caixa na Bolsa de Valores.

ANBIMA: Associação Brasileira das Entidades do Mercado Financeiros e de Capitais, representa as instituições que atuam nestes mercados.

Benchmark: É uma referência de mercado no qual os produtos se baseiam como base para seus resultados. Por exemplo: ao falar que a rentabilidade de um produto é 100% do CDI, quer dizer que estamos usando o CDI como benchmark.

B3: É a Bolsa de valores do Brasil e a responsável pelo sistema de negociação, liquidação e custódia de títulos financeiros.

CDI: Certificado de depósito interbancário,é uma taxa especial de juros que os bancos usam quando emprestam dinheiro entre si.

Declaração Imposto de renda: é a declaração anual que comprova a renda de cada cidadão. Esta declaração é obrigatória para todos que possuem rendimento maior do que o valor mínimo definido pelo governo

FGC: Fundo garantidor de crédito, instituição que protege seu dinheiro em alguns investimentos como CDBs, Letras de Câmbio, LCIs, LCAs, entre outras aplicações possíveis em bancos.

Home Broker: Plataforma digital, na maioria das vezes de uma corretora, onde se compra e vende produtos do mercado financeiro, como ações, produtos de renda fixa, fundos, etc.

Imposto de renda ou IRPF: Imposto de Renda sobre Pessoa Física é o valor que o governo federal desconta anualmente do rendimento de cada cidadão.

Indexador: Índice usado como referência para estabelecer a rentabilidade de algum investimento.

Índice Bovespa (Ibovespa) é o um índice composto pelos principais ativos de maior negociabilidade e representatividade do mercado de ações brasileiro.

IPCA: Índice de preço ao consumidor amplo, Índice de Preços ao Consumidor Amplo, é um índice que mede o aumento dos preços do país, também conhecido como o índice oficial que mede a inflação.

Liquidez: Período no qual você deve aguardar para resgatar seu investimento. Em alguns casos o investidor precisa esperar alguns anos, em outros alguns dias, ex: (d+1 = 1 dia / d+30 = 30 dias, etc..)

Pós Fixado: A rentabilidade depende de um indexador e varia em relação a oscilação dele.

Pré-Fixado: Taxa pré-estabelecida pela instituição na qual o investidor está investindo seu dinheiro. Esta taxa não muda em relação a oscilação dos indexadores e o investidor já sabe o valor final que receberá na data de resgate do seu investimento.

Selic: Taxa básica de juros

Volatilidade: é mensuração do risco de algum investimento baseado na oscilação da sua rentabilidade histórica.

Bitnami